Atenção: Esse site só pode ser visualizado perfeitamente em um browser que suporta Web Standards. É recomendável que você atualize o seu browser clicando aqui. Obrigado e desculpe o transtorno.

home . empresa . Novidades

06.07.2018

Tudo o que você precisa saber sobre financiamento do segundo imóvel

Procurando saber como funciona o financiamento do segundo imóvel? Veio ao lugar certo!

Depois de realizar a compra do primeiro imóvel é natural pensar em investir em um segundo, terceiro? ou mesmo ter um endereço para passeio, fins comerciais, etc.

Há quem esteja querendo morar num endereço mais amplo, afinal o primeiro imóvel não costuma ser tão parecido com o planejado nos sonhos.

Há também quem tenha sido forçado a buscar um novo imóvel por se divorciar do antigo parceiro, entre outras questões.

Enfim, os motivos para a busca do segundo empreendimento são vários.

E se você está se planejando para isso, conte com o nosso artigo para responder àquelas dúvidas que todo mundo tem, como as que listamos a seguir:

- Financiar um segundo imóvel sem ter quitado o primeiro é possível?

- Posso usar o FGTS no segundo financiamento?

- É possível financiar um segundo imóvel pelo programa MCMV?

Você também já se pegou pensando em alguma dessas questões, não é mesmo?

Se sim, esse artigo foi feito na medida para você.

Sem mais delongas, continue com a gente e resolva essas questões de uma vez por todas!

O conselho mais repetido neste blog :p

Para começar a nossa conversa, vamos te dar o conselho mais antigo e repetido neste blog: bote as finanças em ordem!

Para conquistar crédito imobiliário, você vai precisar estar com as dívidas quitadas. Porque, alguém com o nome sujo no SPC ou Serasa diminui, e muito, as suas chances de obter crédito.

Além disso, de nada serve conseguir crédito no banco e não dar conta das parcelas do financiamento mais tarde.

Esteja consciente de que ao assinar um contrato de financiamento, o imóvel só será seu após o pagamento da última parcela.

Enquanto isso não ocorre, o bem é dado como garantia ao banco e, caso você fique impossibilitado de seguir o pagamento, mesmo na última parcela, você perderá o imóvel e todos os valores investidos até então.

Por isso, organização financeira é a palavra de ordem! Planeje-se para a compra e evite sofrimentos.

E por falar em economia, temos duas dicas para te ajudar na amortização das parcelas.

A primeira é, você pode vender o imóvel antigo e utilizar o dinheiro para dar uma boa entrada no novo imóvel, suavizando as parcelas do financiamento.

Outra opção, para quem não quer se desfazer do antigo endereço, é alugá-lo e usar o valor recebido para o pagamento das parcelas do financiamento, mês a mês.

Agora que você já sabe que precisa organizar o orçamento, vamos responder às dúvidas que apresentamos na introdução deste artigo.

Financiamento do segundo imóvel (sem quitar o primeiro)

Você entrou no financiamento de um imóvel, ainda não completou o pagamento das parcelas e agora deseja financiar um segundo imóvel?

Mas será que isso é possível?

Na Caixa Econômica Federal, sim. O banco permite financiamento simultâneo, ou seja, os clientes da Caixa podem financiar dois imóveis ao mesmo tempo.

E mais, o financiamento não se restringe a imóveis novos, agora é possível financiar um usado também.

A aprovação vai depender do quanto as parcelas representam para sua renda.

Quitei o primeiro imóvel e agora quero financiar o segundo

Nessa situação, você pode buscar qualquer instituição financeira e solicitar crédito para o financiamento do seu segundo endereço.

E dessa vez não precisa se limitar à finalidade do imóvel, que pode ser usado para fins comerciais, residenciais, para aluguel, enfim, para o que você decidir.

Você também tem a opção de usar o imóvel antigo como garantia deste novo financiamento. Neste caso, o agente financeiro vai avaliar o imóvel quitado para depois aprovar o crédito.

Uma dica para economizar: sempre que possível, avalie comprar imóveis na planta ou em lançamento, porque eles oferecem menores preços e maiores descontos e possibilidades de negociação.

Financiamento pelo Minha Casa, Minha Vida (MCMV)

O programa do governo federal que vem ajudando milhares de brasileiros a realizar o sonho da casa própria possui alguns limites.

O principal deles é que o programa se destina a trabalhadores que não possuem nenhum imóvel registrado em seu nome, por isso, quem deseja comprar um segundo imóvel não poderá fazer isso através do MCMV.

Se você tem casa, loja, terreno ou qualquer outra propriedade registrada em seu nome, está automaticamente impedido de participar do programa.

Outra restrição é que o imóvel financiado pelo MCMV deve ser residencial, destinado exclusivamente para moradia. Não é permitido adquirir um ponto comercial através dele.

Quem possui renda familiar superior a 10 salários mínimos, registro no Cadastro Nacional de Mutuários, o CadMut, ou já foi contemplado em algum programa habitacional do governo, mesmo que há muito tempo e não tenha mais o imóvel, também está impedido de participar do MCMV.

É possível usar o FGTS no segundo financiamento imobiliário?

Sim, o uso do FGTS é liberado para o financiamento do segundo imóvel, porém apenas em casos muito específicos.

O primeiro dele é quando o solicitante do empréstimo é dono de menos de 40% do antigo imóvel, em outras palavras, o imóvel anterior foi comprado por três pessoas ou mais.

O outro caso especial é aquele em que há impedimento do trabalhador em morar na antiga residência, seja por questões de separação judicial ou, em caso de recebimento do imóvel como herança, haver outros moradores instalados na propriedade.

Nesses casos, o uso do FGTS é permitido para o financiamento de um segundo imóvel.

Importante: não se esqueça das regras de financiamento de imóvel com o FGTS. Na hora de escolher o segundo imóvel, certifique-se que ele não está localizado na mesma região do antigo.

Para consultar outras regras para financiamento de imóveis com o FGTS, consulte o nosso artigo: Compra de imóvel com FGTS: as informações que você precisa.

Fique ligado!

Agora que nós já respondemos as dúvidas comuns sobre o financiamento do segundo imóvel, vamos te dar algumas dicas valiosíssimas. Preste atenção nas informações que vamos compartilhar a seguir e evite surpresas.

1. Primeiramente, preste atenção nos documentos envolvidos no financiamento, se julgar necessário, contrate uma assessoria ou consultoria jurídica.

Isso porque, se o vendedor do imóvel tiver dívidas em seu nome, o imóvel pode ser usado para quitá-las e o grande prejudicado nesta história será você.

2. Esteja atento ao tipo de crédito solicitado ao banco, ao valor do imóvel, ao valor de entrada, entre outras questões que podem fazê-lo recusar operar um segundo financiamento.

3. Se você está encontrando dificuldades para financiar o segundo imóvel, porque ele ultrapassa o limite de 30% de comprometimento de renda,  considere dividir o financiamento com um parente ou cônjuge.

4. Entrou em um financiamento e se arrependeu no meio do caminho? Agora você quer entrar em outro financiamento, mas está com a renda comprometida?

Ainda há esperança para você. Considere transferir a dívida para um outro indivíduo, negocie a forma de pagamento com ele à parte, e livre seu nome para se comprometer com um novo financiamento.

E aí, resolveu todas as dúvidas?

Caso você tenha outras questões sobre financiamento de imóveis, de maneira geral, você pode tê-las respondidas acessando nosso eBook gratuito: O guia para financiamento de imóveis.

Nele você vai encontrar as seguintes informações:

- Saiba como funcionam os financiamentos;

- Entenda quais são todos os tipos de financiamento existentes;

- Aprenda a se preparar para financiar um imóvel;

- Compreenda a importância do FGTS e descubra como usá-lo no financiamento.

Gostou? Então clique aqui e tenha acesso ao nosso material, gratuitamente.

Caso alguma dúvida tenha restado, consulte um de nossos consultores e tenha outras informações sobre um primeiro ou segundo financiamento de imóveis.

Continue ligado em nosso blog e até o próximo artigo.

Conheça a Città Engenharia

A Città Engenharia está há mais de 20 anos no mercado de construções, respondendo por empreendimentos com alto índice de valorização, devido a qualidade, localização e suas áreas de lazer.

A Città é responsável pela construção de mais de 300 mil m² de área construída nos melhores endereços de Vila Velha e Vitória, onde mantém o compromisso com os imóveis entregues e sendo reconhecida pela satisfação total dos clientes.

Estamos entre as construtoras com maior presença no mercado imobiliário do Espírito Santo.

Quer ter mais informações sobre nossos empreendimentos? Fale agora mesmo com um de nossos corretores.

Voltar

Não encontrou o imóvel do seu sonho?

Fale com um consultor agora e conheça as melhores opções para você!

ENTRAR NO CHAT